UNDIME/MT

31/03/2021

 

Participou do lançamento representando a UNDIME, o vice-presidente Marcelo Ferreira da Costa, Dirigente Municipal de Educação do município de Goiânia/GO. Objetivo é fomentar estratégias e inovações para evitar o abandono escolar e melhorar a aprendizagem nos anos finais do Ensino Fundamental. Assista neste link:
O Ministério da Educação (MEC), por meio da Secretaria de Educação Básica (Seb), lançará o Programa Brasil na Escola, que busca iniciar as bases para uma agenda de inovações sobre a atual organização do Ensino Fundamental, bem como apoiar a execução das metas 2 e 7 do Plano Nacional de Educação (PNE), sobretudo para os anos finais do Ensino Fundamental. Nos dias 31 de março e 1° de abril acontece o webnário de lançamento do Programa Brasil na Escola, entre 14h30 e 17:30h e será transmitido pelo YouTube, no canal do MEC. Saiba Mais.




Publicação do resultado da eleição para o biênio 2021/2023

Documento na integra no link abaixo

Resultado da votação - https://drive.google.com/file/d/17E-6EnmsVredIFd80UPxUAbgQV-MVsQH/view?usp=sharing

Chapa Vencedora "Chapa Juntos pela Educação" - https://drive.google.com/file/d/1qyk6-pnK2kkQbfvyihxXD1i89z_Wexch/view?usp=sharing

Apurar Eleição

ELEIÇÃO – UNDIME/MT

Data: 31/03/2021 - Hora: 12:03:29 - (Horário de Brasília)

UNDIME/MT

Opções de Voto                      Número de Votos

Chapa Juntos pela Educação   75

Nulo    0

Total de Votos:   75




Publicação do plano de trabalho apresentado pela chapa inscrita para o processo eleitoral biênio 2021/2023.


Link https://drive.google.com/file/d/1a-w2FDw-g-fAoSf-y_hkXTTYi6RvKtve/view?usp=sharing



Publicação chapa apresentada

Documento completo no link abaixo

Link https://drive.google.com/file/d/1qyk6-pnK2kkQbfvyihxXD1i89z_Wexch/view?usp=sharing


A Comissão Eleitoral

A/C Jalis Alves Oliveira

Presidente;

Ref. Solicitação de inscrição de chapa para o processo eleitoral da UNDIME/MT

Os componentes da Chapa Juntos pela Educação, conforme Quadro de Composição anexo, representados pelo candidato Eduardo Ferreira da Silva vem solicitar a inscrição da mesma para participar do processo eleitoral destinado ao preenchimento dos cargos da Diretoria Executiva, Conselho Fiscal, Delegados e o Conselho Estadual de Representantes, a ser realizado durante a realização do 15º Fórum Estadual Ordinário da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso – UNDIME/MT, programado para ocorrer em 31 de março de 2021 no formato virtual pelo canal do Youtube da Ferraz Eventos & Treinamentos e com a votação eletrônica via a empresa Eleja Online.

Os membros da Chapa Juntos pela Educação Confirmam preencher as exigências previstas no estatuto e estão em dia com seus compromissos associativos com a UNDIME/MT. A referida chapa, cujos componentes são de Municípios Filiados e com a contribuição Associativa quitada junto a UNDIME/MT do ano de 2020 ou ano de 2021.

Componentes da Chapa “Juntos pela Educação ”

PRESIDENTE: Eduardo Ferreira da Silva, Dirigente Municipal de Educação do Município de Canarana, brasileiro, nascido em 06.12.1977 em São Luís dos Montes Belos /GO, União Estável, inscrito no CPF sob o nº 046.145.626-55, RG 11870176/SSPMG, data de expedição em 01.07.1998, residente e domiciliado na Av. Tocantins, 467, Bairro Morada do Sol, CEP 78.640-000, Canarana/MT e telefones (66) 3478-1600 e (66)99626-0034, e-mail: eduardoieq@gmail.com.

VICE PRESIDENTE: Adriana Tomasoni, Dirigente Municipal de Educação do município de Primavera do Leste, brasileira, nascida em 08.10.1974 em Francisco Beltrão/PR, divorciada, inscrita no CPF sob o nº 535.767.211-34, RG 823270/SSPMT, data de expedição em 12.06.1989, residente e domiciliada na Rua Piracicaba nº 2.383, Bairro Primavera II, CEP 78.850-000, Primavera do Leste/MT e telefones (66) 3498-2405 e (66)99959-6755, e-mail: dritomasoni@gmail.com.

Eu Eduardo Ferreira da Silva, representante da chapa “Juntos pela Educação”, solicito o registro da inscrição da mesma junto a Comissão Eleitoral

Cuiabá, 30 de março de 2021


LISTA DE MUNICIPOS E SUA DEVIDA SITUAÇÃO PARA O PROCESSO ELEITORAL DO 

15º FORUM ESTADUAL ORDINÁRIO - BIÊNIO 2021/2023


MUNICIPIO     -        DME                    -                     SITUAÇÃO

ACORIZAL - EVALDO CRAVEIRO TEIXEIRA - APTO
AGUA BOA - NUBIA ROSANA  REINHER FOSCHIERA - APTO
ALTA FLORESTA - LUCINEIA MARTINS DE MATOS - APTO
ALTO ARAGUAIA - PAULA REGINA NIEDERMEIER FRAGA - APTO
ALTO BOA VISTA - VANDERLEI MARQUES DE SOUZA - APTO
ALTO GARCAS - VÂNIA LUZIA  DA SILVA ABREU - APTO
ALTO PARAGUAI - APARECIDA DE ALMEIDA AMORIM - APTO
ALTO TAQUARI - JULIANA BELLODI - APTO
APIACAS - FABIO GERMANO - APTO
ARAGUAIANA - JOSÉ MARRA NERY - APTO
ARAGUAINHA - VANDETH PEREIRA DE SOUZA - APTO
ARAPUTANGA - MARIA APARECIDA SILVA RODRIGUES - APTO
ARENAPOLIS - MARILÂNDIA BORGES DE AGUIAR PRESOTTO - APTO
ARIPUANA - ERMES JOSE DOS REIS - APTO
BARRA DO BUGRES - RAFAELLO SANDRI AFFONSO - APTO
BARRA DO GARCAS - SIVIRINO SOUSA DOS SANTOS - APTO
BOM JESUS DO ARAGUAIA - NELMI RODRIGUES QUIXABEIRA - APTO
BRASNORTE - TEODORA DA SILVA PEREIRA - APTO
CACERES - LAURENIR RAMOS CEBALHO RIBEIRO - APTO
CAMPINAPOLIS - MARILENE CORREA BORGES - APTO
CAMPO NOVO DO PARECIS - SILVANA NUNES VIANA PIVA - APTO
CAMPO VERDE - SIMONI PEREIRA BORGES - APTO
CAMPOS DE JULIO - JULIANA FERREIRA DE CASTRO - APTO
CANABRAVA DO NORTE - WILTON SANTOS DE SOUSA - APTO
CANARANA - EDUARDO FERREIRA DA SILVA - APTO
CARLINDA - MARIA DAS DORES DA COSTA - APTO
CASTANHEIRA - ROSENIR MONTEIRO MELO - APTO
CHAPADA DOS GUIMARAES - BENEDITO ANTONIO DE OLIVEIRA LECHENER - APTO
CLAUDIA - DALILA MARQUES TRIBUTINO COLMAN - APTO
COCALINHO - ELIZANGELA ALVES FERREIRA CARDOSO - APTO
COLIDER - LEIA DA SILVA GOMES TORRES - APTO
COMODORO - DAIANE VIEIRA DOS ANJOS - APTO
CONFRESA - JALIS ALVES OLIVEIRA - APTO
CONQUISTA D'OESTE - OGLEICE LORRAINE GONÇALVES PAES VARGAS - APTO
COTRIGUACU - MIRIAM MIRANDA DE OLIVEIRA - APTO
CUIABA - EDILENE DE SOUZA MACHADO - APTO
CURVELANDIA - ANTONIA APARECIDA DANTAS DA SILVA - APTO
DENISE - REGINA SELMA COSTA MATIAS - APTO
DIAMANTINO - ROSILEI CARRIS MONTINI - APTO
DOM AQUINO - ILZA BATISTA DA SILVA - APTO
FELIZ NATAL - PATRICIA DEVETAK PEREIRA COLEONE - APTO
FIGUEIROPOLIS DO OESTE - NILSON MARQUES DA SILVA - APTO
GAUCHA DO NORTE - TATIANE STANGE GHIZONI - APTO
GENERAL CARNEIRO - ROZENI FARIAS VASCO - APTO
GLORIA DO OESTE - WILLIANS CARLINO DA COSTA - APTO
GUARANTA DO NORTE - DIANE TONON CAOVILLA - APTO
GUIRATINGA - LEONOR DE FÁTIMA BASSI MARTINI - APTO
INDIAVAI - JAQUELINE FARIAS MEZANINI - APTO
IPIRANGA DO NORTE - VERA LÚCIA CANTONI ESCOBAR - APTO
ITANHANGA - SUZANA BESS - APTO
ITAUBA - PAULO CESAR DA SILVA MARIA - APTO
ITIQUIRA - ROSANGELA DE CARVALHO FREDERICO - APTO
JACIARA - MARCIA CRISTINA FERREIRA FARIAS GERALDO - APTO
JAURU - IMACULADA CONCEIÇÃO FERNANDES COSTA - APTO
JUARA - FERNANDA ALVES DOS SANTOS RIBAS - APTO
JUINA - ERICSON LEANDRO DE OLIVEIRA - APTO
JURUENA - LORYZA RODRIGUES BARBOSA BARROS NATAL - APTO
LAMBARI DO OESTE - JESSICA RODRIGUES DE OLIVEIRA - APTO
LUCAS DO RIO VERDE - ELAINE BENETTI LOVATEL - APTO
LUCIARA - MARCILENE MEDEIROS DA SILVA - APTO
MARCELANDIA - ANGELA CLAUDIA SCHMIDT - APTO
MATUPA - CLEUSI HINTZ - APTO
MIRASSOL DO OESTE - WILSON JOSÉ DE MATOS - APTO
NOBRES - EDILMAN CONCEIÇÃO RONDON - APTO
NORTELANDIA - JUSSARA OASHI - APTO
NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO - MARIA AUXILIADORA DA SILVA CUNHA - APTO
NOVA BANDEIRANTES - WAGNO ROSA RIBEIRO - APTO
NOVA BRASILANDIA - JUNIOR APARECIDO DE OLIVEIRA - APTO
NOVA CANAA DO NORTE - JOANA LAZARA GARCIA MARTINS MACHADO - APTO
NOVA GUARITA - JOSIANE GOMES DOS SANTOS KLEIN - APTO
NOVA LACERDA - JOÃO MARTINS DE OLIVEIRA - APTO
NOVA MARILANDIA - JHON KLEITON NATAL GONÇALVES - APTO
NOVA MARINGA - VANDA DA SILVA - APTO
NOVA MUTUM - ELENA MARIA MAASS LIMA - APTO
NOVA NAZARE - GELIANE STEFFENON FONTOURA - APTO
NOVA OLIMPIA - DEBORA CRISTIANE FERREIRA - APTO
NOVA SANTA HELENA - JULIANE OSCAR DE SOUZA - APTO
NOVA UBIRATA - MARIA EDILEUZA KREFF ALBINO VENERANDO - APTO
NOVA XAVANTINA - MARIA MENDONÇA DE OLIVEIRA - APTO
NOVO HORIZONTE DO NORTE - REINALDO APARECIDO RODRIGUES DE OLIVEIRA- APTO
NOVO MUNDO - DANIELA BAUMGRATZ - APTO
NOVO SANTO ANTONIO - MARIA JOSÉ SOARES NOGUEIRA DE MOURA - APTO
NOVO SAO JOAQUIM - SILVESTRE PERIS DE AMORIM - APTO
PARANAITA - ANDRESSA SANTOS DE OLIVEIRA - APTO
PARANATINGA - ROSANGELA ALVES DOS SANTOS - APTO
PEDRA PRETA - IRANICE SANTANA CARDOSO - APTO
PEIXOTO DE AZEVEDO - RAIMUNDA BARBOSA DA SILVA - APTO
PLANALTO DA SERRA - ROSANGELA MARLIZETE RECH - APTO
POCONE - ORNELLA ROSÁRIO PROENÇA MORAES FALCÃO - APTO
PONTAL DO ARAGUAIA - WANDEIR SILVERINA DA SILVA SOUSA - APTO
PONTES E LACERDA - MARGARETE MARCH LIBÓRIO - APTO
PORTO ALEGRE DO NORTE - ELENIR AFONSO DA SILVA - APTO
PORTO DOS GAUCHOS - PAULO CELSO ORTEGA - APTO
PORTO ESPERIDIAO - ROSIMAR HELENA RODRIGUES - APTO
PORTO ESTRELA - TÂNIA CANDIDA LEONEL PAPA - APTO
POXOREU - CELESTINA ALVES DE SOUZA NETA - APTO
PRIMAVERA DO LESTE - ADRIANA TOMASONI - APTO
QUERENCIA - ROSITA MARIA HAHN - APTO
RESERVA DO CABACAL - LUCIMAR MARIA DINIZ - APTO
RIBEIRAO CASCALHEIRA - OSMARINA VIEIRA DOS SANTOS - APTO
RIBEIRAOZINHO - MARCOS VINICIUS CARRIJO DE FREITAS - APTO
RIO BRANCO - MARIA APARECIDA DOS REIS DEFACIO - APTO
RONDOLANDIA - ADRIANA DE OLIVEIRA BARROSO - APTO
ROSARIO OESTE - ODENETE MARIA NUNES - APTO
SALTO DO CEU - CLÉRIA APARECIDA COSTA CARDOSO - APTO
SANTA CARMEM - IVETE SCHNEIDER BERGAMINI - APTO
SANTA CRUZ DO XINGU - DANILO FERNANDO LUZ OLIVEIRA - APTO
SANTA RITA DO TRIVELATO - PAULO MADSON VIEIRA DA SILVA - APTO
SANTO AFONSO - MARTA DEL MAZZO LÓPES - APTO
SANTO ANTONIO DO LESTE - CLAUDILENE OLIVEIRA SANTOS - APTO
SANTO ANTONIO DO LEVERGER - CAROLINE MARIA DE LIMA - APTO
SAO FELIX DO ARAGUAIA - RONILDO DE OLIVEIRA LUZ - APTO
SAO JOSE DO POVO - GUSTAVO BENEDITO MEDEIROS ALVES - APTO
SAO JOSE DO RIO CLARO - JULIANA GHEDIN CAPPELLESSO - APTO
SAO JOSE DO XINGU - ARIOSVALDO OLIVEIRA MOURA - APTO
SAO JOSE DOS QUATRO MARCOS - ROZINÉIA APARECIDA DE LIMA - APTO
SAPEZAL - NELCI TEREZINHA RAUBER ANSOLIN - APTO
SERRA NOVA DOURADA - ANTÔNIA PEREIRA LUZ - APTO
SINOP - SANDRA DA CONCEIÇÃO DONATO FERREIRA - APTO
SORRISO - LÚCIA KORBES DRECHSLER - APTO
TABAPORA - DENIVALDO DE OLIVEIRA SOUZA - APTO
TANGARA DA SERRA - VAGNER CONSTANTINO GUIMARÃES - APTO
TAPURAH - NÁDIA TEREZINHA GUZATTI BENDER - APTO
TERRA NOVA DO NORTE - REGINALDO MARCOLAN - APTO
TESOURO - AMÉLIA MOREIRA BARBOSA - APTO
TORIXOREU - ROSILEY ALVES BORGES TIMO - APTO
UNIAO DO SUL - MAKELLI BEDIN TONIAL - APTO
VALE DE SAO DOMINGOS - ROSEMEIRE DA SILVA BARBOSA DE FREITAS - APTO
VARZEA GRANDE - SILVIO APARECIDO FIDELIS - APTO
VERA - CECÍLIA GABRIELA MORAES - APTO
VILA BELA DA SANTISSIMA TRINDADE - IRLENE RENATA CANO DE BRITO - APTO
VILA RICA - LIDIANE HEIMERDINGER SILVA - APTO

BARAO DE MELGACO - JAQUELINE SARDINHA TAQUES - INAPTO
COLNIZA - SELMA DILL DE PAULA - INAPTO
JANGADA - DEJACIR DA COSTA ALMEIDA - INAPTO
JUSCIMEIRA - BRUNNA MARTINS DOS SANTOS - INAPTO
NOVA MONTE VERDE - ÂNGELA ETELVINA FERRO DA SILVA - INAPTO
PONTE BRANCA - ADAO PEREIRA DE OLIVERIA  - INAPTO
RONDONOPOLIS - ROGÉRIO ANTONIO PENSO - INAPTO
SANTA TEREZINHA - NILZA ALVES SANTOS RODRIGUES - INAPTO
SAO PEDRO DA CIPA - VALTER SOUZA CATARINO - INAPTO


Transmissão ao vivo do nosso evento.

Dia 31/03/2021 - Processo Eleitoral


30/03/2021

Transmissão ao vivo do nosso evento.

Dia 30/03/2021 - Palestras


O Presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso – UNDIME/MT, no uso das atribuições que lhes são conferidas, resolve: Publica-se portaria de designação dos membros da comissão eleitoral para o 15º Fórum Estadual Ordinário da Undime/MT, link do documento

 - https://drive.google.com/file/d/1_YX2gLfghTbOXfUi6YzyfBj5Wl_YayH-/view?usp=sharing


Texto do documento

PORTARIA Nº 001/2021

O Presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso – UNDIME/MT, no uso das atribuições que lhes são conferidas, resolve:

DESIGNAR,

Jalis Alves Oliveira, Dirigente Municipal de Educação do município de Confresa, inscrito no CPF 450.545.501-78; Maria das Dores da Costa, Dirigente Municipal de Educação do município de Carlinda, inscrita no CPF 794.561.201-63 e Nubia Rosana Reinher Foschiera, Dirigente Municipal de Educação do município de Água Boa, inscrita no CPF 010.385.790-74 a comporem a COMISSÃO ELEITORAL DA DIRETORIA EXECUTIVA DA UNIÃO DOS DIRIGENTES MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO DE MATO GROSSO – UNDIME/MT, PARA O BIÊNIO 2021/2023 ficando o (a) primeiro (a) designado (a) para exercer o cargo de Presidente da referida comissão.

À Comissão cabem à elaboração do Edital e das Normas do Processo Eleitoral para preenchimento dos cargos de direção Diretoria Executiva e Presidentes das Regionais, do Conselho Fiscal, Delegados e Conselho Estadual de Representantes / Conselho Nacional de Representantes, conforme normas estatutárias e regimentais.

Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Cuiabá - MT, 30 de março de 2021.


Abertura do processo eleitoral - Publicação

Durante a realização do 15º fórum estadual ordinário, dia 30 de março do corrente ano foi realizada a proposição da composição da comissão eleitoral durante a realização do processo eleitoral neste ato virtual, foi colocado à apreciação de todos os presentes os nomes apresentados para compor esta comissão e deixando ainda a liberdade de inclusão de dois novos membros que, mediante manifestação por escrito via chat e, como não houve manifestação por parte dos dirigentes municipais de educação neste ato virtual, realiza-se a publicação da portaria de composição desta comissão formada, publicada neste momento no site da undimemt.org.br, composta por:

Jalis Alves Oliveira, dirigente municipal de educação do município de Confresa.

Maria das Dores da Costa, dirigente municipal de educação do município de Carlinda,

Nubia Rosana Reinher Foschiera, dirigente municipal de educação do município de Água boa. Sendo o primeiro designado para exercer o cargo de presidente da referida comissão.

A partir deste momento será realizada a publicação do edital de eleição no site da undimemt.org.br com todos os procedimentos para registro de chapa, bem com a lista dos municípios que estão com seus representantes aptos para compor os cargos vagos para a nova gestão do biênio 2021/2023, ou seja, candidatos aptos para votar e ser votado; declaro aberto o processo para inscrição das chapas de acordo com o edital de eleição publicado.


Transmissão ao vivo do nosso evento.

Dia 30/03/2021 - Abertura

29/03/2021


Um estudo realizado pelo Guia da Carreira (www.guiadacarreira.com.br) apontou que os profissionais que têm fluência na língua inglesa conseguem salários de até 70% maiores. Ou seja, ter domínio do idioma faz com que o profissional se destaque dentro da organização e receba promoções mais rapidamente. Com o curso de inglês no *Instituto da Língua Inglesa* você começa a mudar sua carreira. São mais de 35 anos de tradição mudando a vida dos nossos alunos! E o melhor: com professores certificados pela Universidade de Cambridge e materiais importados com tecnologia de ponta! A UNDIME é nosso parceiro! E aí, vamos fazer o curso ILIProfessional para dar um UP na sua carreira? Entre em contato com nossa equipe de consultores.
Links para mais informações:









22/03/2021


A implementação do Plano de Ações Articulada - PAR 4 (ciclo 2021 a 2024) proporcionará um grande avanço para a qualidade da educação básica, oferecendo aos Estados e aos Municípios meios para que políticas educacionais se fortaleçam.

Dotar os sistemas educacionais de instrumentos e recursos que viabilizem um diagnóstico, planejamento e tomadas de decisão mais efetivos são objetivos do PAR 4. Dessa forma ele contribui para o aperfeiçoamento das políticas nacionais de educação vigentes.

O MEC e o FNDE desenvolveram orientações sobre utilização do sistema, Simec – Módulos +PNE e PAR4, em cada uma de suas fases de preenchimento, até a conclusão da Etapa Preparatória.

Acesse aqui o PDF com orientações de acesso ao SIMEC.


Fonte: Ministério da Educação
Foto: FNDE









Pela primeira vez em sua história, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) vai ter um Plano Estratégico de Compra Nacional para Educação (PECNE), instrumento para auxiliar na consecução das metas do Plano Nacional de Educação – PNE 2014/2024 (Lei nº 13.005/2014), por meio da assistência técnica do FNDE aos sistemas de educação no âmbito das compras governamentais. A decisão foi validada ontem à tarde pelo Comitê Deliberativo de Compra Nacional (CDCN) da autarquia, em sua 17ª reunião.

Agora será formado um grupo de trabalho para elaborar o PECNE e o Plano de Compra Nacional para a Educação (PCNE), ferramenta de planejamento e avaliação das compras nacionais empreendidas pelo FNDE em benefício das redes de ensino de municípios, estados e Distrito Federal.

O Plano Estratégico é mais amplo, com vigência de quatro anos, em consonância com o ciclo do PAR, e revisões periódicas. Ele vai identificar as metas e estratégias do PNE a serem contempladas nos processos de compras nacionais para educação. Apontará a periodicidade dos procedimentos de aquisição, de acordo com as características de cada objeto, e classificará os objetos estratégicos para as compras nacionais, entre outras diretrizes.

Já o Plano de Compra Nacional, com vigência de dois anos, é mais operacional e tem como objetivo reduzir ao máximo o interstício de vigência entre atas de registro de preços do mesmo objeto. O PCNE abrangerá os objetos a serem licitados pelo FNDE durante seu período de vigência; vai categorizar os objetos, segundo níveis de prioridade; apresentará cronograma das atividades; e indicará parcerias para especificação dos produtos e controle de qualidade.

O cronograma inicial indica que os dois planos devem estar prontos e aprovados pelo CDCN ainda neste semestre. A reunião do comitê também fez um balanço dos resultados das atas de registro de preços vigentes no ano passado, deliberou sobre objetos em planejamento para o Registro de Preços Nacional (RPN) e aprovou mudanças no Regimento Interno do CDCN.

Criado em dezembro de 2015, o Comitê Deliberativo de Compra Nacional é responsável por deliberar sobre os processos de compras da autarquia, voltados a atender as necessidades dos sistemas de ensino por meio do Registro de Preços Nacional (RPN). Compete ao comitê definir os objetos a serem licitados; aprovar os planos de compras; estabelecer as estratégias a serem adotadas nos processos de aquisição; e avaliar os procedimentos realizados, entre outras atribuições.

RPN – Adotado pelo FNDE, o Registro de Preços Nacional (RPN) é um modelo de compra governamental compartilhada por meio do qual a autarquia presta assistência técnica a estados, DF e municípios. Para tanto, realiza uma licitação centralizada, na modalidade pregão eletrônico, e registra preços e fornecedores de diversos produtos, como ônibus escolar, mobiliário escolar e infantil, material escolar, ventilador, entre outros.

Assim, os entes federados economizam tempo e recursos técnicos e financeiros, pois não precisam repetir licitações semelhantes para adquirirem os produtos, firmando os contratos diretamente com os fornecedores registrados pelo FNDE, após aderirem às atas de registro de preço. Como as licitações se referem a grandes volumes, é possível alcançar preços mais atraentes em cada item. Além disso, a sistemática de compras do FNDE traz outras vantagens, como celeridade nas contratações, transparência, padronização e controle de qualidade dos produtos.

Fonte: Ministério da Educação
Foto: Divulgação/Seed

Vamos Aprender: projeto oferece conteúdos pela televisão, plataforma online e aplicativo a estudantes de todas as etapas da educação básica

Iniciativa está disponível para adesão por estados e municípios que além de terem acesso aos programas e roteiros, também recebem apoio pedagógico especializado para integração em suas estratégias de ensino.



As redes municipais e estaduais de educação do país podem solicitar os materiais gratuitos do projeto Vamos Aprender para 2021 e exibir aulas e vídeos via televisão, plataforma online e aplicativo. O projeto foi desenvolvido pela União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e o Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), com parceria técnica da Fundação Lemann, Fundação Roberto Marinho e CIEB, e apoio de Unesco, Instituto Unibanco, Instituto Natura, Instituto Sonho Grande, Imaginable Futures e Itaú Social.

Gestores de todas as redes públicas do Brasil podem realizar gratuitamente a adesão no site https://vamosaprender.tv.br/. Ao acessar, basta clicar em "Faça parte", preencher os campos solicitados e enviar o formulário. Depois disso, é só aguardar o contato.
Ao efetuarem assinatura do termo de cessão de uso, além de terem acesso aos programas e roteiros, as redes também recebem apoio pedagógico especializado para integração em suas estratégias de ensino remoto, híbrido e presencial.


19/03/2021


Os cursos da plataforma ILI Professional são desenvolvidos a partir de uma metodologia com foco nas necessidades de aprendizagem do aluno adulto. Fundamentada em abordagens andragógicas, as vivências promovem o desenvolvimento e o raciocínio em inglês, simulando situações reais do cotidiano de interesse pessoal ou profissional.


Links para mais informações:





    
 















 15º Fórum Estadual Ordinário - Educação em Pauta: Um olhar significativo na proposta da garantia dos direitos e objetivos de aprendizagem e nas oportunidades trazidas pelas tecnologias digitais

DATA: 30 e 31 de março de 2021

LOCAL: Cuiabá Hotel Fazenda Mato Grosso - Formato Virtual

LINK DE INSCRIÇÃO gratuíto: https://bit.ly/3eLMqhS

PÚBLICO: Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso e técnicos das Secretarias Municipais de Educação.

Acompanhe conosco a PROGRAMAÇÃO AQUI: http://bit.ly/3vE7k8y


09/03/2021


O evento visa oferecer aos professores e gestores da educação uma visão geral sobre as oportunidades da educação empreendedora, assim como um conjunto de ações para apoiar aqueles que desejarem implementar essa estratégia nas escolas.

Por meio de diferentes programas e ações, secretários de educação e professores terão em mãos estratégias valiosas para o seu autodesenvolvimento e desenvolvimento da competência empreendedora e projeto de vida com os estudantes

Acesse já o link e faça sua inscrição: bit.ly/Webinar0903



08/03/2021

 



Feliz dia da Mulher! 

A Undime Mato Grosso, deseja um feliz e lindo dia da mulher!
A todas as belezas sem distinção de raça e cor. Todas são lindas e maravilhosas, vocês podems ser o que quiserem.
Reveste-se de força e dignidade; sorri diante do futuro. Fala com sabedoria e ensina com amor.
Provérbios 31:25-26

04/03/2021

 

Famílias de estudantes com deficiência acumulam preocupações com reabertura das escolas

Pais não se sentem confiantes para enviar os filhos, e pouco acesso à informação agrava as dúvidas

Só quando forem vacinados. É com esse prazo, ainda sem data definida, que muitos pais e mães de estudantes com deficiência respondem quando questionados se os filhos vão ou não retornar para as escolas.

A retomada das aulas presenciais em São Paulo e o início de um ensino híbrido, que prevê o revezamento entre dias em casa e outros nas instituições de ensino, gera dúvidas em muitas dessas famílias.

Entre os especialistas em educação inclusiva, uma mensagem tenta ser repassada: o laudo médico de deficiência, sozinho, não é sentença para que o estudante não retorne para a escola —apenas se estiver relacionado a comorbidades que o incluam no grupo de risco para a Covid-19.

Estudantes com deficiência que apresentem dificuldade ou impossibilidade de higienizar as mãos sozinhos, por exemplo, devem receber apoio, assim como para colocar e tirar a máscara de proteção facial, acessório que deve ser transparente nas salas em que ao menos um aluno tenha deficiência auditiva. Esses são alguns dos cuidados a serem redobrados.

Mas na distância que separa o cenário ideal e a realidade mora a preocupação das famílias. A principal questão é se esses estudantes vão receber, de fato, o apoio necessário para seguir os protocolos.

Thais de Souza Silva, 18, aluna do segundo ano do ensino médio na Escola Estadual Professor Cid Boucault, em Mogi das Cruzes (SP), tem contado com o apoio da mãe, a autônoma Márcia, 46, e da irmã, Bruna, 15, para interpretar as atividades escolares durante o ensino remoto.

Como a jovem tem síndrome de Williams, uma desordem genética rara, a família optou por não enviá-la para a escola agora, na reabertura, ainda que a irmã mais nova tenha retornado. “Thais fica direto com as mãos nos olhos, e é preciso ficar repetindo as recomendações para ela. Tenho medo da contaminação”, explica a mãe.

Isso não significa que para a família a instituição de ensino não faça falta. Além da saudade dos colegas, que Thais manifesta com frequência, a jovem é recém-alfabetizada, o que faz da sala de aula um espaço ainda mais caro no momento. Com a rotatividade de professores entre as disciplinas, porém, Márcia não acredita que alguém vá acompanhar e repetir os cuidados com a filha.

Se tivesse um profissional de apoio —aquele que auxilia o estudante com cuidados pessoais, locomoção e inclusão pedagógica, a depender da deficiência—, diz a mãe, a jovem retornaria para a escola, já que estaria segura de que alguém a acompanharia. Mas a família ainda não conseguiu acessar esse direito, e pensa em judicializar a questão.

A nova insegurança se soma a um histórico de dificuldades que os pais já enfrentaram para assegurar o direito à educação dos filhos com deficiência.

Desde o anúncio da reabertura, Denise Crispim, 42, mãe da Sofia, 15, que tem paralisia cerebral, passou por um périplo em busca de uma escola que assegurasse atividades online até que a jovem seja vacinada. Chegou inclusive a pensar no homeschooling [ensino doméstico], em que ela mesma estabeleceria um cronograma e lecionaria para a filha.

“Distanciamento social no caso dela não existe. Alguém vai sempre ter que tocá-la”, explica a mãe. Como Sofia tem tetraparesia, com acometimento dos membros superiores e inferiores, é preciso que alguém a apoie não só com a máscara ou a higiene das mãos, mas também nas idas ao banheiro e com a alimentação.

Sofia inicia o ano letivo de 2021, quando ingressa no ensino médio, de casa e matriculada em uma escola da rede particular de ensino em Osasco (SP). Denise segue no apoio da filha, em uma carga de cuidados que triplicou desde o início da pandemia, já que ela assumiu, também, os exercícios de fisioterapia da jovem.

As poucas informações, diz, são o que fazem o terreno tão incerto para os pais. “Ninguém sabe se entre os adolescentes com deficiência a mortalidade [pelo novo coronavírus] foi maior ou menor. O sentimento é de que esse público foi deixado muito mais à margem do que já é normalmente.”

Os últimos meses, no ensino remoto conectado às telas de celulares e computadores, foram frustrantes para alguns desses estudantes, que não receberam suporte, além do auxílio de familiares, para seguir os estudos, ou então atividades adaptadas, quando necessário.

É o caso de Eric da Silva Cassiano, 11, estudante da rede municipal de ensino na capital paulista que tem baixa visão e déficit de atenção. O último ano seria o primeiro em que ele teria uma profissional de apoio para acompanhá-lo, o que, para a mãe, a diarista Marli, teria sido chave, já que o filho ainda não é alfabetizado.

Mas o período foi muito diferente do esperado. De casa, Eric pouco conseguiu acompanhar as atividades, mesmo com a ajuda da mãe. A apostila que recebeu, conta Marli, não veio adaptada (o material deveria ter as letras ampliadas, em razão da baixa visão).

O jovem ganhou um tablet, por meio da ajuda de um professor e uma ONG, mas seguir com os estudos ainda assim foi difícil, ora pela baixa conexão com a internet, ora pela dificuldade dos familiares de o ajudarem com os exercícios.

Diante do cenário, a família decidiu enviá-lo para a escola a partir de 22 de fevereiro, quando a unidade reabriu. A expectativa é correr atrás do “ano perdido”, afirma a mãe.

Na capital, a Secretaria Municipal de Educação dispõe, no protocolo de volta às aulas, de uma lista de orientações específicas de cuidados para os estudantes com deficiência produzidas com apoio da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina.

No caso de alunos com deficiência visual, por exemplo, o documento frisa a importância da higienização da bengala, o aumento da frequência de limpeza dos óculos e que quando outra pessoa for ajudá-lo, pegue no ombro, em vez do cotovelo, já que a recomendação é tossir e espirrar no antebraço.

Já a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo afirma que os protocolos sanitários são os mesmos para todos os alunos, com ou sem deficiência, e que orientou as instituições de ensino a entrar em contato com as famílias para entender como podem apoiar os alunos da melhor forma possível.

Professores

Professores com deficiência que procuraram a Folha, porém, relataram que a informação sobre os protocolos não está chegando na ponta. A sensação que paira é de invisibilidade.

Lara, professora com deficiência visual da rede municipal que prefere não dizer o sobrenome, conta que as informações só chegam se a administração pública é questionada, o que gera desgaste na relação.

“Servidores com deficiência são esquecidos com frequência. Mesmo na pandemia, que virou a preocupação do momento, não tivemos um olhar atento. Isso nos deixou em desvantagem no recebimento de informação.”

No dia da reabertura, 15 de feveireiro, mesmo sem ter recebido sequer um informativo sobre cuidados que seriam tomados para adaptar os protocolos de biossegurança às pessoas com deficiência, ela retornou para o colégio no qual leciona, na zona sul da capital.

As práticas pedagógicas precisam ser revistas, diz. Acostumada a passar cópias das atividades em papel para os alunos, já que não consegue fazer uso da lousa, ela foi informada sobre o protocolo de evitar o repasse de papéis nas salas. Terá que migrar para o digital, projetando as atividades. A unidade, porém, ainda não tem projetores.

 

Fonte: Folha de S.Paulo

Foto: Seduc/GO

 

Ministério da Educação prorroga prazo para a adesão do Programa Dinheiro Direto na Escola

A documentação deverá ser enviada via e-mail até o dia 31 de março de 2021

Em razão das adversidades apresentadas pelo novo sistema do PDDE Campo (Programa Dinheiro Direto na Escola), o Ministério da Educação informa que, as escolas interessadas na adesão do programa, que tiveram recursos aplicados no ano de 2019, poderão enviar os documentos através de correio eletrônico até o dia 31 de março de 2021.

A documentação que consiste no Plano de Trabalho, Relatório Fotográfico, incluindo de 3 a 5 fotos, Termo de Compromisso e a ATA de reunião com a comunidade escolar deve ser enviada no formato PDF, com o assunto de e-mail contendo o código INEP da escola, nome do município e a Unidade Federativa (UF) para o endereço eletrônico pddecampo2020@mec.gov.br. É necessário também que o cadastro dos perfis de diretor(a) de escola e secretário(a) municipal/estadual de educação seja realizado e finalizado no Sistema PDDE.

Escolas com recursos empenhados fora do ano informado serão desconsideradas. O email indicado só poderá ser utilizado para o encaminhamento da documentação. Em caso de dúvidas, o contato deve ser feito através do endereço coodenacaoeducampo@mec.gov.br ou pelos telefones (61) 2022-9034/9011.

PDDE Campo
Programa que destina recursos financeiros de custeio e de capital às escolas públicas municipais, estaduais e distritais, localizadas no campo, que tenham estudantes matriculados na educação básica a fim de propiciar adequação e benfeitoria na infraestrutura física dessas unidades, necessárias à realização de atividades educativas e pedagógicas voltadas à melhoria da qualidade do ensino.

 

Fonte: Undime com informações do Ministério da Educação