UNDIME/MT

29/04/2019



AGRADECIMENTOS

No último dia 11 e 12 de abril realizamos o 14º Fórum Estadual Ordinário da UNDIME/MT “A Gestão Municipal e os desafios frente às inovações nas estruturas organizacionais nas políticas públicas da educação”, no Hotel Fazenda Mato Grosso localizado na capital, Cuiabá, MT.

Agradecemos profundamente a presença e participação dos 89 dirigentes municipais de educação presentes e os demais 171 participantes entre técnicos e coordenadores pedagógicos durante um dia e meio de atividades. Foi um fórum especial com palestras e compartilhamento de experiências!

Agradecemos imensamente aos presidentes das seccionais da Undime/GO, Undime/SP Undime/RS e ao presidente da UNDIME, Alessio Costa Lima, aos Palestrantes e facilitadores que se disponibilizaram a estar conosco nesse momento de informação e formação, compartilhando saberes e desenvolvendo as oficinas com tanta dedicação e competência!

Agradecemos imensamente também as Empresas Parceiras, a Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá, a Municipal Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Várzea Grande, a Associação Mato-grossense dos Municípios, a Fundação Lemann, ao Instituto Natura e a Secretaria de Estado de Educação que com a equipe de pessoal de apoio, com o aporte financeiro ou material possibilitaram a realização de um evento com tamanha relevância e estrutura organizacional.

Que possamos refletir sobre os caminhos percorridos até aqui e o que está por vir, o que podemos mudar e intensificar no nosso trilhar da gestão pública da educação municipal em busca de realizar os nossos sonhos e contribuir para a melhoria do processo educacional do lugar onde vivemos e de cada município presente neste 14º Fórum Estadual Ordinário.

Juntos, Somos Mais Fortes!

Diretoria Executiva
Gestão 2019-2021

LINK PARA ACESSAR AS FOTOS DO EVENTO:



24/04/2019


Diretores, coordenadores e supervisores pedagógicos que atuam nas escolas de educação básica das redes públicas ou privadas sem fins lucrativos e nos colégios militares que ofertam educação básica já podem se inscrever para concorrer a bolsas de especialização em educação, que será realizada no Mary Immaculate College, em Limerick, na Irlanda.

O curso acontece no período de junho de 2019 a maio de 2020, e tem o objetivo de promover a capacitação dos profissionais que atuam na gestão pedagógica das escolas. As inscrições estão abertas desde 16 de abril e seguem até às 18h do dia 30 de maio, pelo horário de Brasília. Serão disponibilizadas até 30 vagas, sendo destinadas seis para cada região brasileira. leia mais...

As diretrizes do Novo Fundo de Manutenção da Educação Básica (Fundeb), bem como as propostas para o novo modelo de redistribuição dos recursos, foram tema de debate no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), nesta terça-feira, 15. O encontro reuniu técnicos da autarquia e contou com a participação da Deputada Federal Professora Dorinha Seabra Rezende, relatora da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 15/15, que prevê a inserção permanente do Fundeb na Constituição Federal. O fundo é usado por estados e municípios para cobrir grande parte dos gastos com educação pública e sua vigência tem prazo até 2020. leia mais...

22/04/2019


A Undime participou nesta segunda-feira (15) do lançamento da 12ª edição do Prêmio Professores do Brasil (PPB). A cerimônia foi realizada no Ministério da Educação, em Brasília, e teve a participação do secretário de Alfabetização, Carlos Nadalin; da coordenadora de Valorização, Saúde e Bem-estar dos Profissionais da Educação da Secretaria de Educação Básica, Mara Ewbank; da professora Vandete Pereira Lima, vencedora da 11ª edição do PPB nas categorias alfabetização e temáticas especiais; e dos representantes das instituições parceiras do prêmio. leia mais..

Direitos iguais aos de estudantes da educação escolar, cadastro e avaliações anuais. É o que prevê o projeto de lei assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, nesta quinta-feira (11), em evento no Palácio do Planalto, e que tem por objetivo regulamentar o ensino domiciliar.

O projeto foi incluído como uma das metas dos 100 dias de governo do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), que coordenou a formulação da proposta, em conjunto com técnicos do Ministério da Educação.

O documento abrange o exercício do direito à educação domiciliar, além de alterar o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e a Lei nº 9.394/96, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.

“Nós entendemos que é direito dos pais decidir sobre a educação dos seus filhos, é uma questão de direitos humanos. Então, a iniciativa sai deste ministério sob esta vertente. É uma questão de direitos humanos também", afirma a ministra Damares Alves.

A titular da pasta explica, ainda, que o órgão é responsável pela proposta porque esta é demanda de família. “Claro, em parceria e anuência com o Ministério da Educação, mas a iniciativa deste ministério é legítima”, completa. leia mais...

A Undime Mato Grosso concluiu na última sexta-feira (12) o 14º Fórum Estadual da Seccional. O evento começou na quinta-feira (11), na capital Cuiabá. Segundo informações da Undime MT, o evento contou com a participação de 86 Dirigentes Municipais de Educação e 171 técnicos e coordenadores vinculados às Secretarias de Educação.

A partir do tema “A Gestão Municipal e os desafios frente às inovações nas estruturas organizacionais e nas políticas públicas da educação”, o evento teve como objetivo proporcionar aos Dirigentes Municipais de Educação, coordenadores pedagógicos e técnicos das Secretarias Municipais o aprimoramento dos conhecimentos para assumir compromissos com o esforço coletivo e colaborativo.

Nova diretoria

Durante o Fórum, foi realizada a eleição da nova diretoria executiva, conselho fiscal e os membros que irão compor o colégio eleitoral para o Fórum Nacional da Undime. Silvio Aparecido Fidélis, Dirigente Municipal de Educação de Várzea Grande foi reeleito para o cargo de presidente da Seccional MT e Eduardo Ferreira da Silva, Dirigente de Educação de Canarana, foi eleito vice-presidente. Leia mais...

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) colocou em prática um projeto que pretende inovar a prestação de contas públicas: o Núcleo de Métodos Quantitativos. A nova unidade é responsável pelo tratamento de dados, modelagem estatística e estabelecimento de indicadores que vão subsidiar a tomada de decisões estratégicas da autarquia. E já começa colocando em prática o projeto Malha Fina, que vai aprimorar a prestação de contas dos entes ao FNDE e deve alcançar uma economia de R$ 3 bilhões para os cofres públicos nos próximos três anos.

“É uma mudança de paradigmas em que as novidades não se restringirão apenas ao controle de gestão. O núcleo provê informação gerencial para a alta gestão do FNDE para a tomada de decisões”, explica Vladimir Araujo, coordenador geral de Contabilidade e Acompanhamento de Prestação de Contas do FNDE. Segundo ele, trata-se de um modelo com grandes chances de se expandir para outros órgãos da administração pública federal.

Para saber quais prestações de contas poderão ser feitas de forma automática e quais deverão ser analisadas por um servidor da autarquia, serão utilizadas técnicas avançadas da ciência de dados e da inteligência artificial para analisar dados e números relevantes à gestão do FNDE.
O Ministério da Educação (MEC) divulgou por meio de ofício-circular informações sobre a utilização dos recursos do Programa Novo Mais Educação. Enviado à Undime, Consed, secretários estaduais e municipais de Educação e diretores de escola, o documento afirma que as escolas dos Grupos I (cujo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - Ideb 2015 é inferior a 4.4 nos anos iniciais e inferior a 3.0 nos anos finais, concomitantementee) e do Grupo II (cujo Ideb 2015 é inferior a 4.4 nos anos iniciais ou inferior a 3.0 nos anos finais) que não conseguiram executar o recurso recebido em 2018, mediante reprogramação, poderão dar continuidade ao Programa Novo Mais Educação em 2019. Essa informação já havia sido divulgado pelo Ofício circular nº 3/2019/COEF/DICEI/SEB/SEB-MEC.


Premiação é voltada a professores e gestores da Educação Infantil ao Ensino Médio de escolas públicas e privadas

O Prêmio Educador Nota 10, maior e mais importante prêmio da Educação Básica Brasileira, está com as inscrições abertas para a 22ª edição. Professores e gestores da Educação Infantil ao Ensino Médio de escolas públicas e privadas de todo o país podem submeter suas Experiências Educativas pela plataforma de inscrições, até às 23h59 (horário de Brasília) do dia 27 de maio.

Criado pela Fundação Victor Civita que, desde 2014, realiza a premiação em parceria com a Abril, Globo e Fundação Roberto Marinho, a iniciativa tem como objetivo reconhecer e valorizar professores, coordenadores pedagógicos e gestores escolares de todo o país. O Prêmio conta com o apoio da Nova Escola, Instituto Rodrigo Mendes e Unicef, e o patrocínio da Fundação Lemann e SOMOS Educação.

Desde 2018, o Prêmio Educador Nota 10 é associado ao Global Teacher Prize, prêmio global de Educação. Na edição de 2019, o regulamento traz várias novidades. Entre elas, maior abrangência, com mais disciplinas e maior alinhamento à Base Nacional Comum Curricular (BNCC), e os critérios gerais que este ano passam a ser:

• Equidade e Inclusão como valores
• Inspiração para aplicabilidade em outros contextos
• Evidências de aprendizagem
• Didática específica da área
• Correlação clara entre as aprendizagens propostas às faixas etárias correspondente e as competências específicas e gerais da BNCC

Desde a criação, em 1988, foram mais de 70 mil projetos inscritos. Ao longo das últimas 21 edições, foram premiados 231 educadores, entre professores e gestores escolares, que receberam aproximadamente R$ 2,85 milhões em prêmios no total. 

Inscrições: até 27 de maio pelo link https://premioeducadornota10.org/

03/04/2019


EDITAL DO FÓRUM ESTADUAL ORDINÁRIO 2019

Eleições para Diretoria Executiva e Colégio Eleitoral para o Biênio 2019/2021
Nº 002/2019

O Presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso-UNDIME/MT, Sílvio Aparecido Fidelis, no uso de suas atribuições legais e conforme disposto no Estatuto da Entidade, no Capítulo VI, Seção I – Do Fórum Estadual e,
Considerando, a necessidade de eleger a nova Diretoria Executiva, Conselho Fiscal e o Colégio Eleitoral (Delegados e Conselho Nacional de Representantes) da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso -UNDIME/MT,
RESOLVE:
Art. 1º - Tornar público o presente Edital, após Convocação do 14° Fórum Estadual Ordinário 2019 da UNDIME/MT, publicada em Diário Oficial Eletrônico dos Municípios nos dias 28 de fevereiro, 01 de março e 04 março de 2019, e republicado com retificação no Item III, no dia 26/03/2019 para o referido Fórum que acontecerá no período de 11 e 12 de abril de 2019, no Salão Martim Pescador do Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá.
Art. 2º - O Fórum Estadual, além de palestras e oficinas, incluirá na pauta a Eleição e posse à Diretoria Executiva; do Conselho Fiscal; dos representantes da UNDIME/MT no Conselho Estadual (Nacional) de Representantes, titulares e suplentes e dos delegados titulares e suplentes, conforme o anexo I; Tomar ciência do balanço de gestão da diretoria executiva relativa ao biênio 2017/2019, o qual inclui a prestação de contas e acompanhado de parecer emitido pelo conselho fiscal; Apresentação e deliberação a respeito de proposta de adequação Estatutária e alteração do Regimento; Apreciação e deliberação quanto ao Plano de Trabalho para o biênio de 2019/2021 e Assuntos de interesse geral.



Leia o edital completo, clique aqui.