UNDIME/MT

21/02/2018


A queda do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) entre duas pesquisas consecutivas poderá sujeitar o chefe do Poder Executivo (presidente da República, governador ou prefeito) à rejeição das contas prestadas por exigência da Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar 101/00).
A determinação consta no Projeto de Lei Complementar (PLP) 430/17, do deputado Nilson Leitão (PSDB-MT), em tramitação na Câmara dos Deputados. A rejeição de contas é um dos motivos que tornam os políticos inelegíveis e pode levar a sanções de outros tipos, como multa e ressarcimento em caso de prejuízo aos cofres públicos.
Nilson Leitão disse que a proposta visa criar critérios para a “responsabilidade educacional”. O objetivo é usar dois instrumentos existentes – prestação de contas previstas na LRF e levantamento do Ideb – para criar uma fiscalização de resultados das políticas educacionais. “Em vez de criar uma inovação radical, impraticável e de dificílima implementação, optamos por aproveitar dois mecanismos que já são consolidados no Brasil”, disse. leia mais...

As leis alvos das ações são de Criciúma, em Santa Catarina, e Ocauçu, no interior de São Paulo
A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), do Ministério Público Federal (MPF), quer que o Supremo Tribunal Federal (STF) suspenda e julgue a inconstitucionalidade de duas leis municipais que tratam do ensino de questões de gênero e da Escola Sem Partido. Para a procuradoria, as regras violam garantias fundamentais do direito à educação.
Uma das leis foi aprovada pelo município de Criciúma, em Santa Catarina, e cria o chamado Programa Escola Sem Partido. A norma n° 7.159/2018 diz que “o poder público não se imiscuirá no processo de amadurecimento sexual dos alunos nem permitirá qualquer forma de dogmatismo ou proselitismo na abordagem de gênero”. Também estabelece que o s professores não podem manifestar opinião política ou estimular a participação dos estudantes em protestos, entre outras regras. leia mais...

A Undime se reuniu no fim da manhã da terça-feira, 6 de fevereiro, com o ministro da Educação, Mendonça Filho, para tratar, entre outros assuntos, do Plano de Ações Articuladas (PAR).
O encontro aconteceu no gabinete do ministro, em Brasília, e contou com a presença do presidente da Undime e Dirigente Municipal de Educação de Alto Santo (CE), Alessio Costa Lima; o presidente da Undime Região Centro-Oeste e dirigente de Educação em Goiânia, Marcelo Ferreira da Costa; a presidente da Undime Pernambuco e dirigente de Bonito (PE), Maria Elza; e o presidente da Undime São Paulo e dirigente de Sud Mennucci (SP), Luiz Miguel Martins Garcia. Pelo MEC, estavam presentes também a secretária executiva do Ministério, Maria Helena Guimarães de Castro, e o secretário de Educação Básica, Rossieli Soares da Silva. leia mais...

As escolas públicas da educação básica poderão ter de, gradativamente, implantar sistema de controle digital de frequência de alunos. É o que determina o Projeto de Lei 9176/17, do deputado Hildo Rocha (PMDB-MA), em análise na Câmara dos Deputados.
A educação básica abrange a educação infantil, o ensino fundamental e o ensino médio.
Para Rocha, a implantação do controle digital tem inúmeros benefícios, tais como: elimina o tempo gasto pelo professor com chamada oral, contribui para diminuir os atrasos e a evasão escolar, e auxilia no controle do acesso às dependências das escolas. leia mais...

O Ministério da Educação prorrogou para o próximo dia 22, quinta-feira, o prazo para estados e municípios aderirem ao Programa Mais Alfabetização. A adesão deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle (Simec). As escolas terão prazo até 23 de fevereiro para fazer sua adesão.
A expectativa é atender a 4,2 milhões de alunos em aproximadamente 200 mil turmas espalhadas pelo Brasil. O programa foi criado pelo MEC com o objetivo de apoiar escolas no processo de alfabetização dos estudantes de todas as turmas do primeiro e do segundo anos do ensino fundamental. Para isso, serão investidos R$ 200 milhões para o pagamento de um assistente pedagógico para auxiliar os professores em sala de aula. leia mais...

20/02/2018


FIQUE ATENTO AO PRAZO PARA A CONFERÊNCIA NA ESCOLA É ATÉ 31 DE MARÇO DE 2018.

A conferência é uma ação de educação ambiental. É um processo democrático e participativo nas escolas, que reúne estudantes, professores e comunidade escolar para dialogar e refletir sobre as questões socioambientais, para elaborar um projeto de ação com o objetivo de transformar sua realidade e escolher representantes que levam adiante as ideias acordadas entre todos.

Vídeo com passo a passo para participação na V CNIJMA: 

Saiba mais em: http://conferenciainfanto.mec.gov.br.

Outras informações poderão ser esclarecidas
pelo e-mail 

16/02/2018


Os estudantes agora tem até 2 de abril para se inscrever

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) prorrogou nesta quarta-feira, 8, o prazo de inscrições do concurso literário “Faça parte dessa história”. Agora, quem quiser se inscrever tem até dia 2 de abril. O edital vai selecionar os maiores talentos das escolas públicas do Brasil na arte de escrever e podem participar todos aqueles estudantes que estiverem devidamente matriculados em turmas de ensino fundamental e médio, das escolas públicas brasileiras, com obras nos seguintes gêneros literários: poema, conto, crônica, novela, teatro, texto da tradição popular, romance, memória, diário, biografia, relatos de experiências e história em quadrinhos. leia mais...

15/02/2018


Atenção - Encontro Regional Norte I e II, informamos que a data do evento foi alterado para dia 27 e 28 de fevereiro 2018, tendo em vista o curto tempo para solicitações de diárias e passagens, o local do evento e as atividades continuam inalteradas, agradecemos a compreensão de todos. As inscrições já efetuadas continuam validas. Faça sua inscrição, clique aqui.

O evento será dia 27 e 28/02/2018 - 08: 30hs às 17: 00hs 
Local: Escola municipal Dom Elder Câmara, Rua Bagé, Sn. Centro Peixoto de Azevedo. 
Contato: 066 3575-1428.

06/02/2018

A Presidente da Undime/MT Terezinha Assmann e as Dirigentes Municipais Jessica Duarte do Município de União do Sul e Telma Ribeiro do município de Dom Aquino, participam da Reunião Extraordinária do Conselho Nacional de Representantes e Diretoria Executiva da Undime, realizada no dia 6 de fevereiro de 2018, no Auditório do Anexo II do subsolo do Ministério da Educação, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília/DF.





02/02/2018


Atendendo a uma solicitação da Undime, o Ministério da Educação (MEC) decidiu prorrogar os prazos para adesão tanto das secretarias de educação quanto para validação das unidades escolares ao programa Mais Alfabetização. Com a mudança, a primeira etapa do processo de adesão ao Programa, realizada pelas secretarias municipais, estaduais e distrital de educação, vai até o dia 15 de fevereiro. O prazo da segunda etapa, referente à adesão das unidades escolares indicadas pelas secretarias de educação, foi estendido para 16 de fevereiro.
Nessa primeira etapa de adesão, os secretários de educação devem indicar as escolas participantes e o coordenador de gestão estratégica do Programa, que será o responsável por acompanhar a implantação e monitorar a execução. leia mais...

01/02/2018

Encontro de formação com a UNDIME/MT e os municípios da Regional Sudoeste I, o evento ocorreu no Cefapro de Cáceres, levando formação sobre Gestão Educacional com a plataforma Conviva educação, SIGPC  e PAR.






O programa Formar é uma parceria entre a Fundação Lemann e redes públicas de educação de todo o Brasil. Promovemos e alinhamos esforços entre secretarias de educação e escolas, diminuindo distâncias, apoiando os educadores em seu desenvolvimento profissional e aperfeiçoando as práticas de gestão e os processos pedagógicos. leia mais...

O Desafio Aprendizagem Criativa Brasil é uma iniciativa da Fundação Lemann e do MIT Media Lab que visa fomentar a implementação de soluções inovadoras – novas tecnologias, produtos e serviços – que ajudem a tornar a educação brasileira mais mão na massa, significativa, colaborativa e lúdica.
O Desafio também tem como objetivo identificar, conectar e apoiar indivíduos brasileiros – artistas, pesquisadores, educadores, desenvolvedores de tecnologia, empreendedores e tomadores de decisão – que possam ter um papel-chave no avanço de práticas de Aprendizagem Criativa, especialmente no que se refere a projetos mão na massa envolvendo programação e construção no mundo físico, em escolas públicas (de Educação Infantil ao Ensino Médio) e ambientes de aprendizagem não formais de todo o Brasil. leia mais...

Prezado(a) professor(a),
O presente instrumento de levantamento de dados formativos é realizado pela SETEC / UFMT em parceria com o Grupo de Trabalho Interinstitucional de Pesquisa e Formação Docente de Mato Grosso (GTIP) e o Fórum Estadual de Coordenadores de Polo UAB-MT (FECOUAB-MT) e tem como objetivo, principalmente, alimentar o banco de dados da CAPES e das Instituições envolvidas: UFMT, IFMT e UNEMAT, Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso(SEDUC/MT) e da União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso(UNIDIME).
A sua participação neste levantamento é um importante indicador das demandas por cursos em sua região e por extensão no estado de Mato Grosso.Participe! Agradecemos sua contribuição.