UNDIME/MT

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Resolução histórica da ONU pressiona Estados

Resolução histórica da ONU pressiona Estados a regularem a atuação do setor privado no ensino e a investirem na educação pública

 

Regular os fornecedores privados de educação e investir na educação pública. É que exorta o Conselho de Direitos Humanos da ONU (CDH) em uma histórica resolução publicada na última sexta-feira e aclamada por 21 organizações da sociedade civil. A resolução adotada na 32ª sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU (13 junho - 1 julho, 2016) exorta todos os Estados em dois parágrafos separados a “acabar com todo o impacto negativo da comercialização da educação", em particular, por meio do estabelecimento de um marco regulatório para regular e monitorar as atividades dos prestadores de serviços de educação, exigindo responsabilidades para aqueles cujas práticas afetam negativamente a efetivação do direito à educação, também promovendo ações de investigação. leia mais...

Thalles Monteiro

Sobre Thalles Monteiro

...